segunda-feira, 16 de março de 2009

Borboletas



Borboletas

Victor e Leo

Composição: Victor Chaves

Percebo que o tempo já não passa
Você diz que não tem graça amar assim
Foi tudo tão bonito, mas voou pro infinito
Parecido com borboletas de um jardim

Agora você volta
E balança o que eu sentia por outro alguém
Dividido entre dois mundos
Sei que estou amando, mas ainda não sei quem

Não sei dizer o que mudou
Mas, nada está igual
Numa noite estranha a gente se estranha e fica mal
Você tenta provar que tudo em nós morreu
Borboletas sempre voltam
E o seu jardim sou eu

8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8 8ï8

Oi gente, faz muitos dias que não passo por aqui... andei dobrando alguns papeis mas ainda não tive tem po de postar... em breve posto as novas fotos para vocês. Beijos e até a próxima!